Home / Literatura /

Descubra 6 Livrarias para visitar na Ásia

Descubra 6 Livrarias para visitar na Ásia

 

A Ásia está desde o início dos tempos associada a tradições próprias e até a algum misticismo. Muito embora a seguinte afirmação seja ligeiramente subjetiva, podemos dizer à luz da história que este foi o continente que sofreu menor influência cultural dos europeus. Tal deve-se sobretudo ao processo de colonização que aqui não foi tão forte.

Ao contrário dos povos considerados primitivos da América, África e Oceânia, na Ásia havia já uma identidade civilizacional forte e avançada, que não se deixou subjugar aos paradigmas europeus. Sendo muito diferentes dos da Europa, estes padrões variam naturalmente de nação para nação e registam-se até diferenças dentro de um mesmo país – não fosse a Ásia o maior continente do mundo.

A cultura distinta culminou no aparecimento de formas de pensar únicas que, por sua vez, inspiraram manifestações artísticas. Da literatura à arquitetura, foram várias as artes desenvolvidas. Neste artigo, falamos de ambas e mostramos-lhe algumas das melhores livrarias a visitar no continente asiático.

As mais belas livrarias da Ásia

Bookworm, Pequim, China

bookworm-mundo-de-livros

O chinês Bookworm é um espaço que condensa elementos futuristas com referências mais tradicionais. Os candeeiros suspensos dão ao espaço um aspeto quase etéreo. De tal forma que quem o visita diz consensualmente que esta é mais do que uma livraria. Para além das muitas obras, o Bookworm é também usado para eventos culturais.

Poplar Kid’s Republic, Pequim, China

poplar-kids-republic-mundo-de-livros

O Poplar Kid’s Repulic faz lembrar uma mistura entre um parque infantil e uma livraria. Maioritariamente branco e com explosões de cor e de luz, a loja parece saída do universo infantil mais criativo. O objetivo é estimular a imaginação das crianças que por lá podem passar largas horas entre livros e na companhia dos pais.

VVG Something, Taipei, Taiwan

vvg-something-mundo-de-livros

A VVG Something, localizada em Taipei, Taiwan, tem o encanto de uma livraria simples e tradicional. Pequena e acolhedora faz lembrar a cabine de um navio, rústico e com cheiro a livros. As obras estão dispostas como se estivessem em casa e algumas são até colocadas no interior de velhas gavetas. Pelo meio, encontramos também alguns objetos antigos que nos transportam para outros tempos.

Daikanyama T-Site, Tóquio, Japão

daikanyama-t-site-mundo-de-livros

Do passado para o futuro. Se algum dia se puser a pensar como seria uma livraria daqui a 10 anos, provavelmente a imagem que lhe apareceria na cabeça seria algo como a livraria japonesa Daikanyana T-Site. Com linhas retas e modernas, e mesas para que possamos analisar os livros, este é sem dúvida vida um local para desfrutar de boas histórias.

Keibunsya, Quioto, Japão

keibunsya-mundo-de-livros

Quem visitou a Keibunsya, em Quioto, não sabe explicar ao certo o motivo da sua magia. Talvez a luminosidade, os painéis ou então as pequenas galerias repletas de estantes. De uma coisa todos têm a certeza: este é uma das livrarias mais silenciosas. O ambiente é decorado com obras de arte japonesas e toques de modernidade.

Books Actually, Singapura

books-actually-mundo-de-livros

“Books Actually Love You” (“Na verdade, os livros amam-te”, em português) é o slogan da Books Actually, uma loja de Singapura, com decoração clean e pintada com elementos da cultura oriental. Moderna e com os pés no presente, a loja coaduna grandes nomes da literatura com as obras mais recentes. O ambiente é acolhedor e faz-nos sentir em casa.

 

Partilhar este artigo

Deixar Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *