Home / Bibliotecas /

O Barco dos Livros leva sonhos e histórias a crianças no Laos

barcos dos livros

O Barco dos Livros leva sonhos e histórias a crianças no Laos

 

Na República do Laos, situada na península asiática da Indochina, o panorama da educação não é hoje muito animador. Apesar de existirem escolas, o número de alunos a frequentar o ensino básico excede apenas os 10 mil e as vilas onde estudam a maior parte destas crianças encontram-se geograficamente isoladas, sem acessos através de estradas, algo que as deixa muito fechadas do mundo exterior.

Por cá, conseguimos recordar bem os nossos anos pela escola primária. As histórias ditadas pelos professores para que as transcrevêssemos para os cadernos, as caixas de lápis com aquele aroma característico a novo e os livros com desenhos tão ricos e cheios de significado que, na altura, eram mais importantes do que as letras que compunham a história.

Agora imaginem uma realidade onde nada disto existe: onde três livros chegam para uma escola inteira e as histórias, mesmo que repetidas, são a única fonte criativa a alimentar a imaginação de futuros jovens e adultos.

A Community Learning International – mais conhecida pela sigla CLI – é uma organização não-governamental que procura melhorar a vida de quem mais necessita, especialmente a nível educativo. Foi assim que, ao reconhecer este défice de livros na região de Laos, lançou para as águas dos rios três barcos que são também bibliotecas.

Como funcionam os Barcos dos Livros?

book boats laos

Os Book Boats (Barcos dos Livros, em tradução livre) são exatamente aquilo que está a imaginar: barcos carregados de livros. Mas com que propósito? Fazer entregas de encomendas de livros para o outro lado do oceano? Não. Os Barcos dos Livros não têm uma estrutura moderna e rígida – são barquinhos de madeira, pintados com cores berrantes, que navegam nas águas da República de Laos levando sonhos e histórias quem mais precisa e sim, estamos a falar literalmente.

Com estantes e caixotes cheios de livros, os Barcos dos Livros viajam ao longo de 100 vilas fluviais do Laos, a maior parte delas tratando-se de povoações isoladas e sem acessos. Com um terceiro barco lançado em maio de 2015, esta iniciativa do CLI – almeja promover a leitura e prestar o seu contributo a nível da educação.

Cada um dos Barcos dos Livros carrega mais de 100 livros. Normalmente, chegam às vilas durante a manhã e os alunos das escolas são dispensados para ir até ao barco, escolher um livro e ficar por ali perto para ler sem parar. Assim que ouvem o barco a chegar, correm para as margens do rio e, em grupos, sobem a bordo. Ao encontrarem o livro certo, sentam-se perto das margens, a ler atentamente, mantendo o barco perto de vista para regressarem assim que chegarem à última página do livro que têm em mãos.

Para aqueles que não gostam assim tanto de ler, a equipa que opera o barco organiza jogos didáticos que enfatizam a importância dos livros, assim como o facto de que entre as páginas de um livro se pode encontrar muita diversão. O objetivo destes jogos é também ensinar técnicas essenciais para um melhor estilo de vida.

O barco passa a noite pela vila e as crianças continuam a levar livros emprestados até bem depois de estar escuro, mesmo que seja para os lerem à luz das velas que têm em casa. De manhã, os livros são recolhidos de volta e o barco parte para a próxima vila, repetindo o mesmo ciclo e levando ao longo do rio Mekong histórias e livros a quem não consegue aceder facilmente a eles.

Como é que surgiu a ideia de criar barcos que levem a literatura a quem não a tem? Infelizmente, a resposta é simples: existem, ao longo do rio, mais de 10 mil crianças cuja educação depende grandemente dos esforços da CLI. Neste momento, o projeto está a angariar fundos para manter as três bibliotecas a flutuar por mais algum tempo, para que os livros continuem a chegar aos que menos conseguem.

Qualquer pessoa que estiver interessada em contribuir com um donativo pode fazê-lo através deste link.

 

Partilhar este artigo

Deixar Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *