Home / Archives /

Literatura e Internet

Literatura e Internet / 25 posts found

WhatsApp

O livro de filosofia que foi escrito a partir do WhatsApp

Os filósofos brasileiros Clóvis Barros Filho e Júlio Pompeu, cada um deles munido com um smartphone com WhastApp, decidiram envolver-se numa longa conversa de mensagens de voz que foi suficiente para que escrevessem um livro… através do WhatsApp.
mobile

Saiba como o mobile influencia os hábitos de leitura das crianças

Neste post, falamos da tendência crescente do mobile mas estamos preparados para fazer uma abordagem diferente da habitual. Desta vez, analisamos os problemas provocados pelo mobile a partir de outra ótica: que tipo de impacto a utilização de tablets e smartphones pode ter, a longo prazo, nos hábitos de leitura das crianças?

Livros que saltam da estante para o Instagram

As redes sociais são, por natureza, um espaço de partilha. Lá cabem as páginas do seu livro favorito, o último filme que viu e até os concerto a que foi. O Instragram não podia ser exceção e é graças a ele que nos chegam os interesses dos muitos utilizadores. Todos os dias os famosos Instragramers fazem partilhas de uma série de imagens e uma coisa não podia faltar. O quê? Livros, pois claro.
the right short

The Right Short: uma história contada em 280 tweets

E se David Mitchell escrevesse um livro que estivesse dividido em segmentos de 140 caracteres, ou seja, em tweets? A ideia seria aplicada durante a fase de promoção do novo livro do autor, intitulado The Clock Bones. Porém, para grande surpresa de todos, a The Right Short acabou por se tornar num grande sucesso por si só.
wikileaks

Segredo do Wikileaks: dois jornalistas à procura de respostas

Em 2010, rebentou o escândalo do Wikileaks: informações confidenciais apareceram de repente na Internet e lançaram um debate global sobre as atividades de espionagem levadas a cabo pelos EUA. Para entendermos tudo isto e percebermos o impacto que a plataforma de Julian Assange causou, fazemos uma breve análise à história da Internet e ao meio de que dispomos hoje.

Daniel Domscheit-Berg leva-nos aos Bastidores da WikiLeaks

Com uma visibilidade expandida pelos meios de comunicação social, os documentos divulgados pelo WikiLeaks chocaram o mundo. Até aqui nada de novo. Mas será que sabe quais são os segredos por detrás da organização? E quais terão sido os motivos que justificaram a sua ação? Em Nos Bastidores da WikiLeaks encontra resposta para ambas as perguntas.
a year of books

A Year of Books: o clube de leitura do Facebook

Os que têm uma página no Facebook – e até mesmo aqueles que não têm – conhecem Mark Zuckerberg, o jovem empreendedor que, a partir de uma partida, criou uma plataforma capaz de revolucionar a Internet e a forma como interagimos com amigos, conhecidos e até mesmo colegas de trabalho. E, provavelmente, já ouviram falar do A Year of Books. Não? Leia este post então.

Biz Stone e as coisas que um passarinho lhe contou

Embora pudessem parecer inicialmente uma brincadeira, a verdade é que as redes sociais tornaram-se num fenómeno tão grande que acabaram por alterar para sempre a forma como comunicamos. Em Coisas que um Passarinho me Contou, Biz Stone volta às origens do Twitter para explicar toda a história por detrás da plataforma.

Goodreads: a rede social que junta pessoas que gostam de ler

Num mundo cada vez mais ligado é comum ouvirmos falar de redes sociais como o Facebook, o Twitter ou até mesmo o Pinterest. Todavia existem também plataformas segmentadas, cujo objetivo é unir pessoas com gostos semelhantes. Neste post, falamos-lhe do Goodreads, uma rede social para partilha de opiniões sobre os livros.

Noruega quer digitalizar todos os seus livros até 2020

A iniciativa foi anunciada em há já alguns anos e, desde então, têm sido encetados esforços para que, até 2020, a primeira parte dos livros de língua norueguesa sejam digitalizados e armazenados online na Biblioteca Nacional do país.
bookmobiles

Como os bookmobiles ajudaram a reconstruir o Haiti

Estamos no início de 2010 quando o mundo sofre um grande abalo: um terramoto de 7,5 graus na escala de Ritcher apanha o Haiti de surpresa. Dois anos mais tarde, o Haiti continua a recuperar do abalo. É por essa altura que os Bibliotecários Sem Fronteiras, a par com alguns parceiros solidários, decidem lançar o primeiro bookmobile haitiano, o BiblioTapTap. O resultado foi incrível.

6 Aplicativos para crianças que ensinam tanto quanto os livros

Se em tempos os livros eram os melhores amigos das crianças, hoje as páginas foram substituídas por aparelhos eletrónicos. As histórias, essas, mantém-se, embora tenham assumido um formato mais interativo. Em vez de apenas lermos sobre elas, agora é possível interagir com as personagens e até mesmo definir o seu próprio destino.