Home / Literatura de Ficção /

A literatura de ficção faz de nós melhores seres humanos

A literatura de ficção faz de nós melhores seres humanos

 

No Blog Mundo de Livros temos vindo a explorar as diferentes áreas que a literatura é capaz de tocar nas nossas vidas. Em artigos publicados anteriormente chegamos mesmo a mencionar alguns dos benefícios que a prática da leitura pode converter para o nosso desenvolvimento pessoal assim como saúde.

Em agosto de 2016, publicamos um post que dava conta de que ler assegura de facto uma vida mais saudável e uma maior longevidade. Hoje voltamos a falar dos benefícios que a literatura nos concede, mais precisamente sobre como a literatura de ficção nos ajuda de facto a ser melhores seres humanos.

Quem o disse foi uma equipa de cientistas que se dedicada ao estudo da Teoria da Mente. O artigo, publicado pela primeira vez em 2013 na revista Science, teoriza que esta Theory of Mind é “a capacidade humana para comprar que outras pessoas mantêm crenças e desejos que podem ou não diferir das nossas próprias crenças e desejos”.

O mais interessante nesta notícia é que os investigadores perceberam o impacto que a literatura de ficção pode ter na Teoria da Mente. Os voluntários que participaram na experiência tinham este aspecto mental estimulado e desenvolviam melhor a empatia por outras pessoas.

Como é que a literatura de ficção melhora a nossa mente?

A visão que persiste atualmente é que a literatura de ficção – muitas vezes descrita como narrativas que se concentram em retratos que aprofundam os sentimentos e pensamentos internos dos sujeitos – pode ser ligada à Teoria da Mente, especialmente aos indivíduos que estão envolvidos na compreensão ou simulação das características afetivas do sujeito.

Descontos!
 

No estudo, Kidd e Castano apresentam ainda provas experimentais de que obras de ficção literária, em comparação com títulos de não-ficção, ajudam realmente a melhorar o desempenho do leitor sobre a teoria da mente.

“Entender o estado mental de outras pessoas é uma habilidade importante no aspecto social e faz parte de qualquer sociedade humana”, continuam os investigadores. “Após cinco experiências baseadas na Teoria da Mente, percebemos que ler ficção aumenta a perceção que temos sobre as pessoas que nos rodeiam”.

Uma outra investigação de 2013 aponta que se regista um aumento da atividade cerebral quando estamos a ler ficção. As principais áreas estimuladas são a da visualização e compreensão da linguagem. Um outro processo semelhante sucede-se quando vemos como a personagem consegue imaginar e sentir as emoções na história.

A cada dia que passa, vamos encontrando mais e mais estudos que só realçam os muitos benefícios da literatura (como se ainda precisássemos de motivos para ler!). A verdade, no entanto, é que a ciência pode estar ainda mais próxima de provar que certas experiências literárias são cruciais no desenvolvimento da consciência humana.

 

Partilhar este artigo

Deixar Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *