Home / Reviews de Livros /

This Changes Everything: o aquecimento global segundo Naomi Klein

This Changes Everything: o aquecimento global segundo Naomi Klein

 

Causado pelo Homem, o aquecimento global é o resultado direto do aumento das emissões de gases poluentes para a atmosfera. Falamos, por exemplo, da quantidade de dióxido de carbono que é libertada durante o processamento de combustíveis fósseis.

Ao mesmo tempo que assistimos ao processo de aquecimento global, verifica-se também uma aparente mudança geral de consciências: embora o cenário não seja favorável, há cada vez mais pessoas alerta para a necessidade de fazer alguma coisa.

Isto acontece principalmente porque as mudanças que estão a ocorrer têm um impacto direto no bem-estar de cada um de nós. Nalguns casos, as diferenças climatéricas resultam mesmo em alterações na geografia ou na sazonalidade de doenças infeciosas.

O impacto é notório durante as colheitas, afetando diretamente ecossistemas e determinando a quantidade de alimentos disponíveis. Fenómenos como furacões ou secas são normalmente desastrosos para a atividade agrícola.

Posto isto, se está à procura da resposta para questões como “o que é o aquecimento global?”, ou “quais são as causas e as consequências das alterações climáticas?”, há um livro que não pode deixar de ler. Famoso mesmo dentro da sua área, This Changes Everything de Naomi Klein procura explorar o real impacto do aquecimento global na economia e na vida em sociedade.

O livro This Changes Everything de Naomi Klein

No livro This Changes Everything, Naomi Klein apresenta uma explicação brilhante de como a crise climática nos desafia a abandonar a ideia de “mercado livre” para restruturar a economia e repensar sistemas políticos.

Com esta obra, Klein pretende lançar o debate sobre o futuro, defendendo que as mudanças climatéricas necessitam de um combate radical e urgente.

Por outras palavras, de acordo com a autora é impossível combater o aquecimento global sem que se combata também o capitalismo. A canadiana apresenta uma definição de aquecimento global baseada no seu impacto, concluindo que cada um de nós deve desempenhar o seu papel na luta contra o problema.

Para que tenhamos uma melhor noção da urgência em agir, Naomi Klein mostra-nos também como reduzir a emissão de gases poluentes para a atmosfera é a nossa melhor oportunidade de, em simultâneo, reduzir os gaps de desigualdade; repensar democracias ocas e caducas; e investir no desenvolvimento local económico.

À luz de This Changes Everthing, há 5 pontos sobre os quais cada um de nós devia pensar seriamente quando o assunto é aquecimento global.

1 – Soluções rápidas não resultam

Grande parte de This Changes Everything é sobre uma série de soluções rápidas que a autora rejeita e crítica profundamente. Referimo-nos, por exemplo, a melhorias com o objetivo a alcançar o lucro, como inovações tecnológicas bombásticas. Para Naomi Klein, já é tarde demais para tentar esta abordagem. Ao longo do livro, encontramos uma série de críticas na forma como as grandes companhias lidam com o aquecimento global, mostrando como os responsáveis pelas mesmas acabam por agravar o problema.

2 – Precisamos de nos reparar a nós e não ao mundo

This Changes Everything tem um capítulo completo sobre geoengenharia. Este é um campo de pesquisa com apoio de um nicho de cientistas, investidores e figuras dos media que têm como objetivo combater o aquecimento global ao mudar a morfologia da terra – por exemplo, cobrir desertos com material refletor e reenviar os raios para o espaço; ou usar métodos semelhante para reduzir a quantidade de raios que chegam à terra.

Descontos!
 

Em vez de restaurar o balanço natural, Naomi Klein afirma que estas “tecno-correções” apenas contribuirão para o exato oposto. O resultado será uma série de novos problemas que, por sua vez, necessitarão de mais reparos. E a cadeia continuará, sem que o equilíbrio se crie.

3 – As “boas intenções” das empresas

No mundo dos negócios é frequente encontrarmos parcerias de empresas que se associam a grupos ambientais. Vemos também alguns bilionários, como Bill Gattes e Richard Brason, (apelidados de “green bilionaries“, em português, “bilionários verdes”) que utilizam as suas fortunas para para combater as alterações climáticas.

Naomi Klein critica-os ferverosamente, dizendo que o capitalismo é uma das principais causas das mudanças climáticas. Segundo a própria, não podemos esperar que tanto as empresas e os milionários ponham o planeta em primeiro lugar, já que o seu principal interesse está no lucro.

4 – Precisamos de desinvestir e reinvestir

Ao contrário do que alguns especialistas afirmam, segundo Naomi Klein, há uma relação direta entre o investimento no mercado dos combustíveis fósseis e na quantidade de poluentes. O objetivo da autora é que haja uma mudança na consciência dos investidores que primeiro, desinvistam para depois reinvestirem em mercados renováveis.

5 – Uma oportunidade para discutir outros assuntos

Em This Changes Everything encontramos argumentos que nos mostram que a crise climatérica pode servir para acordar uma nova consciência democrática nos Estados Unidos da América. A autora defende que os assuntos ligados ao ambiente podem servir de mote para iniciar a discussão sobre assuntos transversais, que vão desde a economia até à sociedade.

Peguemos no exemplo do tornado de 2007 que destruir Greensburg, no Kansas. A destruição causada pelo fenómeno fez com que se levassem a cabo iniciativas não para recuperar, mas para refazer estruturas antigas. Hoje em dia, Greensburg é uma das cidades mais “verdes” do mundo.

Quem é Naomi Klein?

Naomi Klein é uma jornalista premiada, colunista e autora do best-seller internacional do New York Times, The Shock Doctrine: The Rise of Disaster Capitalism. Publicado em 2007, o livro foi traduzido para 30 línguas e teve mais de 1 milhão de cópias impressas.

Ao longo da sua carreira, Naomi Klein foi editora da Harper Magazine e repórter da Rolling Stone. Também escreveu para o The Nation e o The Guardian.

Reconhecido pela crítica, This Changes Everything venceu, em 2014, o Trust Prize for Nonfiction do prestigiado Hilary Weston. O livro estreou no 5.º lugar do New York Times e é considerado bestseller em países como os Estados Unidos, Reino Unido e Canadá.

 

 

Partilhar este artigo

Deixar Comentário

Your email address will not be published. Required fields are marked *